.:: Home
 

 

Ano 4 | Nº 5
Only the borrowers prefer instant online payday loans quick and quickest loans.
|  
Edição 5 < Especificação Técnica / Pisos de Concreto
Cimento Autonivelante
 
Excelentes para recuperar bases de concreto com problemas como baixa resistência superficial, umidade ascendente, trincas, fissuras e contaminação por graxas e óleos, os cimentos autonivelantes apresentam-se como uma solução rápida, econômica e durável.
payday loans lenders online
Only the borrowers prefer instant online payday loans quick and quickest loans.
 

A demanda por soluções que otimizem o desempenho das argamassas no que diz respeito a aderência, flexibilidade, trabalhabilidade e impermeabilidade, promoveram um grande desenvolvimento no segmento da química para a construção civil.

 

Dentre as novas soluções, destaca-se a regularização de alto desempenho para pisos com argamassas cimentícias poliméricas que tem a propriedade de auto adensar-se e podem ser facilmente espalhadas sendo necessário apenas um rodo dentado para garantir a espessura de aplicação e uma passagem do rolo quebra bolhas para eliminar o ar incorporado.

 

Aplicação do cimento autonivelante

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Características como a possibilidade de aplicação sobre substrato úmido, ausência de juntas, baixa espessura, impermeabilidade e baixo custo, fazem com que seja uma excelente solução para recuperar garagens de edifícios - onde a desagregação gerada pelo uso de concretos com baixa quantidade de cimento causa buracos, desnivelamentos e alta porosidade, resultando em geração de pó – e para quem precisa aplicar revestimentos resinados de alto desempenho sobre bases úmidas ou sobre concretos deteriorados, utilizando a argamassa cimentícia como contrapiso de regularização e impermeabilização, pois ela cria uma interface flexível, estanque e com alta resistência a impactos e ao arrancamento. Outra vantagem da argamassa cimentícia polimérica é que ela pode ser aplicada em espessuras muito finas, entre 3 e 5 mm, sem a necessidade de juntas, o que a torna uma solução rápida e de baixo custo.

 

Segundo Luis Prado, químico responsável pelos produtos da Quimicryl, essa solução também se aplica a locais onde há necessidade de altas resistências químicas como indústrias de laticínios, embutidos, frigoríficos, de açúcar e álcool, etc. Para isso é preciso substituir o cimento Portland pelo cimento aluminoso. "Outra opção para complementar o sistema é o uso da argamassa polimérica com Baucryl 3030 para tratamento de buracos e irregularidades acima de 5 mm e também o Baucryl Junta Epóxi AN, flexível, para tratamento das trincas e fissuras", salienta Luis Prado. O Engº Paulo Colombo, diretor de engenharia da Quimicryl, recomenda aplicar a pintura com tinta epóxi ou poliuretano recoberta por uma camada de verniz poliuretano de alto desempenho. "Temos à disposição de nossos clientes o BAUCRYL PU, para uso sobre a argamassa cimentícia autonivelante que incrementa a resistência à abrasão e a estanqueidade a óleos e graxas, permitindo a utilização de processos simples de limpeza que dispensam equipamentos de pressão, além de obter grande durabilidade da pintura", explica Colombo.

 

 

Piso após a aplicação do cimento autonivelante

Vantagens do sistema: